A retomada do fluxo aéreo já é uma realidade em muitos países, e no Brasil não é diferente. No mês de agosto, o número de passageiros nos aeroportos brasileiros atingiu 35% de crescimento em relação ao mês anterior, sendo liderado em sua grande maioria pelos voos domésticos. Como o maior hub do país em conexões, o Aeroporto Internacional de Brasília ganha ainda maior notoriedade nesse momento com um aumento de mais de 53% no fluxo em agosto, sendo o segundo aeroporto que mais cresce no período pós-pandemia.

Com a vocação de construir o Out of Home de amanhã e guiar as marcas nesse momento de retomada, a JCDecaux, como líder global em operação de mídia aeroportuária, traz uma oportunidade especial para as marcas e anunciantes se reconectarem com uma audiência com alto poder de consumo e decisão, marcada por um perfil executivo composto por empresários, políticos, diplomatas e funcionários de órgãos governamentais, e também por turistas vindos de todas as partes do país e ávidos para voltar a viajar e explorar os destinos nacionais.
 

Como a única empresa com direito de explorar exclusivamente o Aeroporto Internacional de Brasília, os produtos da JCDecaux impactam todos os momentos da jornada do viajante com mais de 220 equipamentos posicionados nos pontos de maior audiência dentro das áreas de embarque e desembarque e um portfólio integrado por telas digitais e estáticas e produtos de alto impacto que garante mais de 3.7 bilhões de impactos ao ano.

Com uma oferta diferenciada, a mídia no aeroporto consegue gerar awareness para as marcas e transferir atributos positivos como pioneirismo, inovação e segurança, informando e entretendo durante os momentos de longa espera dos passageiros, já que 50% costumam chegar com mais de 2 horas de antecedência no aeroporto. Além disso, a JCDecaux oferece formatos com o maior recall – 61% dizem lembrar de alguma campanha veiculada na parte interior do aeroporto, 12 p.p. acima dos formatos localizados na parte externa do complexo. Como um hub que tem como vocação conectar os viajantes às principais cidades do país, mais de 44% de todo o fluxo mensal de passageiros que passa pelo Aeroporto Internacional de Brasília está em conexão sem sair do aeroporto e é impactada unicamente pelas mídias da JCDecaux.

Com o objetivo de suportar esse novo momento, onde mais de 43% dos passageiros estão mais atentos ao ambiente e 32% buscarão informações nas telas segundo a pesquisa “Business as Usual” realizada globalmente pela JCDecaux, a mídia terá um papel fundamental nesse recomeço, reduzindo momentos de stress e trazendo segurança aos passageiros. A empresa que mudou a maneira como as pessoas vem o OOH está pronta agora para ressignificar a experiência dos viajantes, possibilitando que as marcas façam parte desse novo momento de sentir e viver o tão desejado fora de casa, tudo isso baseado em inovação e na inteligência de dados e métricas.

Entre em contato com um OOH Thinker para saber mais sobre as possibilidades para sua marca no Aeroporto Internacional de Brasília.

Fonte: Anac e Inframérica - circulação de passageiros de agosto/2020. TGI  Pessoas BR TG 2020 I (2019 1s + 2019 2s) v1.0 | Brasília. Estudo “Business as Usual”, pesquisa realizada pela JCDecaux, junho/2020